Como se alimentar de forma saudável gastando pouco

O que a gente precisa agora nesse período de quarentena é economizar e cortar custos.

E priorizar o que é realmente importante; a alimentação.

Como se alimentar de forma saudável gastando pouco

Mas como comer de forma nutritiva sem gastar uma fortuna. Será que é possível.

Com certeza, continue lendo que eu vou te dá ótimas dicas.

Mas antes eu quero que você saiba que manter uma alimentação saudável é muito importante nesse momento, principalmente por conta da imunidade.

Porém, algumas pessoas ainda preferem consumir alimentos nada saudáveis como: enlatados, embutidos e processados.

Elas acreditam que são mais baratos, e de fato são mesmos.

Entretanto, não são nada nutritivos e ao longo prazo podem se tornar caros para à saúde.

Por isso, prefira comida de verdade.

Certo, mas como ter uma alimentação nutritiva sem gastar muito dinheiro?

Simples, mudando os hábitos, sendo mais consciente com suas escolhas.

Pesquisando preços e qualidade esses sim, são critérios importantes para comprar alimentos mais saudáveis. Confira agora as dicas:

1- Organize a sua lista de compra

Tudo começa pelas suas escolhas, antes de sair para o mercado ou a feira.

Faça uma lista de itens saudáveis: frutas, legumes, verduras, cereais integrais, peixes, frango, carnes magras e ovos.

Esqueça todos os produtos enlatados, embutidos, congelados e processados.

Eles fazem mal à saúde e a dieta.

Ah, outra dica importante não vá à feira com fome, isso fará você colocar no carrinho alimentos industrializados.

2- Opte sempre por uma alimentação natural

Você quer ter uma alimentação saudável de verdade, mude a forma como você pensa.

É claro que a mudança não será da noite para o dia, e sim aos poucos.

Mas dê o primeiro passo, aproveita agora que você está com tempo e organiza sua alimentação.

Eu sei que não é fácil, mas comece aos pouquinhos. Vá tirando da sua vida aquilo que não te faz bem.

Seja lá o que for: refrigerante, doces e industrializados.

Agora se você mantém uma dieta equilibrada durante a semana, e aos domingos gosta de comer pizza, tudo bem, só não exagere ok.

Tudo é questão de bom senso.

3- Compre produtos similares

Às vezes as pessoas têm fanatismo por marcas. Só quer comprar os mais caros.

Esse não é o momento. Precisamos economizar.

Existe no supermercado tantos produtos excelentes, de qualidade e bem mais barato.

Faça um teste, pesquise.

4- Faça suas compras sozinha

Essa é para as mães que tem crianças, sair para fazer feira é uma diversão para a garotada.

Eles não resistem a biscoitos, salgadinhos, balas, achocolatados, refrigerantes e doces.

Mas você acaba levando para casa coisas desnecessárias e nada saudáveis.

Isso não quer dizer que uma vez ou outra seu filho não vai poder comer um biscoito. Mas não faça disso um hábito.

Ensine as crianças a importância de uma boa alimentação. E a melhor maneira é dá o exemplo e fugir das tentações do dia a dia.

Por isso, na hora de ir ao mercado, se possível vá sozinha e escolha os seus alimentos à vontade.

4- Aprenda a cozinhar e faça sua própria comida

Essa dica vale ouro, eu mesmo era uma negação na cozinha. Mas decidi colocar a mão na massa e resolvi aprender.

Aprendi por meio de livros, televisão e, claro, a internet. E te confesso que foi uma das melhores coisas que eu fiz na minha vida.

Já faz 5 anos que eu cozinho e modéstia à parte, faço cada prato delicioso, humm.

Enfim, quando você faz sua própria comida, escolhe as opções e os temperos mais saudáveis,

Sem contar que dar para economizar bastante. Evitando gastos desnecessários com restaurantes e lanchonetes.

Além disso, dá para levar comida para o trabalho, é outra forma de garantir uma economia de maneira saudável.

E vamos combinar, hoje em dia só não aprende a cozinhar e economizar quem não quer.

Não é à toa que as marmitas estão em alta, elas são ótimas opções para manter um cardápio equilibrado e nutritivo.

Cada vez mais elas estão presente na vida de quem busca por uma vida mais saudável.

E oh, já foi o tempo que levar comida para o trabalho era motivo de vergonha, hoje em dia é até chic.

Definitivamente elas estão na moda. Eu adoro.

O motivo tem a ver com o interesse das pessoas por uma alimentação mais saudável e evitar gastos desnecessários em restaurantes e lanchonetes.

Para quer comer fora, se você pode levar sua comida pronta de casa.

Outra razão para as marmitas está bombando é que cada vez mais modelos e atrizes usam as quentinhas.

Com isso, muita gente deixou de lado a timidez e resolveu levar o seu próprio alimento para o almoço ou jantar.

Dessa forma, fica mais fácil perder ou manter o peso.

Mas você sabia que há alguns segredinhos para manter sua quentinha mais saudável?

Afinal, a comida tem que estar saborosa e muito bem armazenada.

Por isso, que os potes, vasilhas e a forma de guardar os alimentos faz uma enorme diferença na qualidade do que você vai comer.

Pote de vidro ou de plástico

Para saber mais, clique na imagem


Depende, se a comida vai ao micro-ondas prefira usar o pote de vidro.

É mais fácil de limpar e evita resíduos.

Até porque alguns potes de plástico são prejudiciais à saúde, pois liberam compostos nocivos quando são aquecidos.

Se for para levar torradas ou oleaginosas pode ser em vasilhas de plástico.

Como guardar os alimentos na marmita

O ideal é que a quentinha não fique fora da geladeira por mais de três horas.

Porém, se na empresa em que você trabalha não tem freezer ou frigobar, uma dica é investir em uma bolsa térmica para armazenar a comida.

E para manter a temperatura é só acrescentar umas pedrinhas de gelo.

E as frutas ou saladas

Para saber mais, clique na imagem


Quem leva marmita para o almoço não pode esquecer o lanche da tarde, por isso, as frutas são ótimas alternativas.

Você pode levar qualquer fruta de sua preferência, mas terá que armazenar elas na geladeira ou em uma sacola térmica.

O pote pode ser tanto de vidro quanto de plástico.

Já as saladas o ideal é levar à parte.

E o que não levar na marmita

Use sempre o bom-senso, se você tem uma rotina de horários para almoçar, não tem problema.

Agora se não tem hora correta para comer, evite alimentos que estragam com facilidades como por exemplo, ovo, molho de tomate, queijo, coco e purê.

Existe algumas comidas no qual sofrem alterações quando são aquecidas: os peixes e as frituras.

Prefira sempre opções grelhadas, assadas, legumes cozidos e crus.

Gostou do post? Então, compartilha e assine nossa newsletter para ficar por dentro de todas as novidades do blog: dicas, receitas, lançamentos e produtos.

 © 2020. NUTRIDAS. Todos os direitos reservados.
  • Facebook
  • Twitter
  • Instagram