• Wix Facebook page
  • Wix Twitter page

Os alimentos que se transformam

27.02.2017

Todo mundo sabe que incluir frutas e legumes na alimentação é um hábito bastante saudável. O consumo desses alimentos contêm vitaminas e nutrientes que contribui para a saúde e auxilia na perda de peso. Mas você sabia que as cascas, os talos, as sementes e as folhas, possui um grande valor nutricional? Toda essa parte muitas vezes descartadas traz diversos benefícios para melhorar a qualidade de vida. Além disso, favorece a questão social, ambiental e econômica. 

Grande parte da população não tem consciência das vantagens de uma alimentação sustentável, porque não tem campanhas e iniciativas para estimular o consumo. Nas escolas, por exemplo, já se abordam o tema, mas ainda é pouco. Outro ponto a destacar, é que muita gente torce o nariz para os talos, folhas e sementes, acham que não tem nenhum valor nutricional, que isso é conversa de ambientalista ou natureba.

 

Segundo os pesquisadores, pensamentos como esses se deve a nossa cultura e a abundância. O que ocorre é que não passamos por desastres e nem guerras, então não é necessário aproveitar nada, tudo “que não presta”, vai para o lixo. É um erro pensar desse modo, mas com iniciativas estamos a um passo de diminuir esse cenário. A começar pelo projeto dos jogos Olímpicos e Paraolímpicos de 2016, que trouxe ao mundo a importância de aproveitar bem toda a parte dos alimento. Com isso, promoveu visibilidade, saúde e conscientização para todos, denominada de Rio Alimentação Sustentável.

 

Já foi comprovado cientificamente que aquelas partes na qual muitas pessoas jogam fora, contêm grandes valores nutricionais. Não está convencida? O Nutridas selecionou alguns alimentos feitos de talos e folhas que viram pães e recheios de tortas. Cascas que se transformam em doces, sucos e geleias. Portanto, é hora de testar, abrir a cabeça para novos conceitos alimentares, e principalmente, ter uma vida mais saudável. Além, de contribuir com o meio ambiente evitando o lixo orgânico.

 

Banana

Ela é uma delícia, rica em potássio – importante para os músculos. Mas a casca dela sempre vai para a lixeira e não deveria pois a casca contém vitamina A, C e B, além de muitas fibras, dá para fazer farinha, bolos e geleias e até bife.

 

Mamão

Um alimento excelente, bom para a digestão, rico em vitamina A e fibras. Com a casca dá para fazer sucos, bolos e doces. O consumo do mamão é tão bom para a saúde que mantém a pele hidratada e o melhor sem aquela sensação de inchaço.

 

Abóbora

Muita gente usa a abóbora no preparo de purê, sopas e caldos. Mas a casca também dá para aproveitar, você pode cortá-la em tiras e usar para rechear quiche. Uma das vantagens da abóbora é que ela contém fibras e betacaroteno. Já as sementes têm magnésio, fósforo que são substâncias que contribui para a saúde da pele, ossos e dentes. Outra opção é lavar as sementes, colocar para secar, adicionar sal e levar ao forno. Pronto, um salgadinho leve e nutritivo, vale a pena experimentar. 

 

Beterraba

Ela é ótima na salada tanto crua quanto refogada, além disso, dá para fazer suco. Mas, muita gente joga fora as folhas e os talos desse vegetal e logo eles que contêm sais minerais, cálcio, fósforo, ferro e vitamina A. Uma dica bacana é refogar as folhas junto com a cebola, alho, azeite e colocar na comida, pode se no arroz, no macarrão ou nas torradas. Use sua criatividade, garanto que fica uma delícia, saudável, leve e muito nutritiva. 

 

Se você gostou desse assunto e quiser saber mais receitas para aproveitar bem os alimentos de forma consciente, dá uma olhada na ONG: www.bancodealimentos.org.br

 

 

 

Até o próximo post. 

 

 

 

Please reload