• Wix Facebook page
  • Wix Twitter page

Que tal aprender algo novo

24.03.2017

Começar uma coisa nova é abrir a mente, é enfrentar os desafios, sair da zona de conforto e ampliar os horizontes. E não há sensação melhor na vida do que testar os limites e no final dizer, consegui.

 

Experimente, você irá se surpreender, seja lá o que for, não precisa ser tão grandioso, mas algo que você sempre quis fazer e ficar adiando. 

De acordo com os neurocientistas temos dois lados do cérebro, o lado esquerdo que é ligado a razão e o direito que é ligado à criatividade e aos novos desafios.

 

Muitas pessoas tem dificuldade em ativar o lado direito do cérebro, porque nunca sai do mesmo percurso, logo, fica mais difícil lidar com as incertezas e os imprevistos do dia a dia. Por isso, é fundamental usar os dois lados, equilibrar a rotina e as novidades que pretende fazer ao longo da vida.

 

Sem querer muitas vezes agimos como robô, acordamos, vamos tomar café, saímos para trabalhar, voltamos para casa, dormimos, e mais uma vez repetimos as mesmas coisas. 

 

Quando paramos para pensar em algo novo, bate a preguiça, as desculpas, a falta de tempo e o dinheiro, enfim. E mais uma vez deixamos para amanhã, para o próximo mês ou no ano que vem.

 

Sabe aquela história clássica da mulher que quer emagrecer, mas fica deixando para depois, na conversa com as amigas é sempre aquela desculpa, “na segunda-feira eu começo a dieta e entro na academia”, e vem a semana e nada. 

 

Nesse caso é preciso além de foco, começar algo novo mesmo, como mudanças de hábitos. É claro que não estou me referindo a mudar constantemente, até porque não somos nômades (povos que não tem habitação fixa, vivem mudando de lugar direto).

 

Mas, tirar da gaveta aquilo que faz o seu olho brilhar e pode ser tanta coisa: pintura, artesanato, jardinagem, falar idiomas, fazer uma faculdade, um novo curso, tocar um instrumento, são tantas possibilidades que podemos aprender diariamente, basta querer.

 

Vou contar uma história para você que aconteceu com uma amiga minha que ama carros, certa vez ela chegou para mim dizendo que iria se matricular no curso de mecânica.

 

Na hora eu pensei poxa sério, então vai lá e faça, achei o máximo, só que minhas outras amigas acharam super estranho, eu sinceramente não vi nada demais, se ela gosta disso porque não fazer.

 

Pois ela não estava nem aí para os outros que criticavam, se matriculou e fez o curso, ganhou autonomia, amou tanto que decidiu fazer faculdade de engenharia mecânica.

 

Já outra amiga no qual trabalha em um banco, decidiu fazer teatro para se soltar mais e perder a timidez, hoje vive da profissão de atriz. São tantas histórias inspiradoras de mulheres que começaram de novo, eu, por exemplo, até 2010 odiava cozinhar, mas sempre gostei de comida saudável, porém, para fazer era um tormento.

 

E sempre tinha alguém para fazer minha comida; mãe, namorado, amigos, enfim. Mas eu sempre quis aprender, até que um dia de bobeira, assistindo o programa da Ana Maria Braga, ela fez uma receita de torta salgada de frango, não tive dúvidas, anotei a receita, fiz e para minha surpresa, ficou ótima. 

 

Decidi então não parar mais, comprei livros de culinária, fiz cursos online, me inscrevi em diversos canais no YouTube e hoje em dia cozinho até bem,  claro que pretendo melhorar cada vez mais.

 

A minha mãe é uma cozinheira de mão cheia, mas eu precisava mudar os hábitos alimentares e aprender, então foi preciso pôr a mão na massa. 

 

Atualmente comecei minhas aulas de Illustrator, para mim é super desafiador pois nunca tive interesse em desenho, mas falei para mim mesma, você consegue, vá e tente, pois tudo será aprendizado.

 

Às vezes ficamos com medo de nossas limitações, mas lembre-se são apenas obstáculos, devemos enfrentar e seguir em frente. E você o que pretende aprender? Seja lá o que for, comece.

Até o próximo post.

 

 

Please reload