• Wix Facebook page
  • Wix Twitter page

Será que a tapioca é realmente nutritiva

16.04.2018

Ela ganhou fama no Brasil inteiro, por não conter glúten, e se tornou a queridinha das dietas. Atualmente, a tapioca é presença garantida em supermercados, padarias e lojas especializadas. Mas será que ela é tão benéfica para a saúde?

 

Vamos entender quais os mitos e verdades de um dos símbolos da culinária nordestina que é sucesso no país todo. Pensou em praticidade que tal comer uma tapioca, assim como o pão ela é super versátil. Ou seja, vai bem com diversos recheios. 

 Foto: Pixabay

De fato ela é muito nutritiva e fornece energia para o corpo, mas durante o processo de extração do amido para a farinha, ela perde fibras. Uma das vantagens é que a tapioca tem baixo valor glicêmico, isso evita picos de fome, logo, ela é bem aproveitada pelo organismo. Outro benefício é em relação ao pão, ela não tem gordura, mas contém sal.


A tapioca ajuda a emagrecer
Depende, se você exagerar vai engordar da mesma forma. Não é porque ela tem suas vantagens que é preciso abusar. A tapioca pode ficar no lugar do pãozinho refinado, porém, o da versão integral ela não substitui, por conta da fibras. 

 

O ideal é variar entre o pão integral e a tapioca, assim você terá uma alimentação mais nutritiva e equilibrada. Já para quem tem intolerância e sensibilidade ao glúten, a tapioca é sempre bem-vinda. Há uma tendência em achar que o glúten é o culpado por tudo, lembre-se são suas escolhas que influenciam diretamente na alimentação.

 

É preciso equilíbrio, tem gente que consome pão de manhã, macarrão no almoço e a noite pizza. Resultado; engorda, e depois culpa o glúten por isso. A regra é sempre variar, se comer um pãozinho durante o dia, prefira almoçar feijão, arroz integral, raiz, salada, legumes e verduras. E para o jantar pode ser a mesma coisa. 


Cuidado com os recheios
Você já sabe que a tapioca combina com tudo. Mas isso não quer dizer para colocar no recheio: manteiga, cream cheese, catupiry, requeijão, queijos amarelos, calabresa, bacon, fritura, goiabada e leite condensado.

 

Uma boa sugestão são as opções leves e nutritivas como por exemplo: queijo branco, frango grelhado desfiado, atum, ovo, geleia natural, tomate, cebola e até fruta como a banana. Outra dica bacana é acrescentar no preparo da tapioca, linhaça ou chia, isso garante fibras a massa. 

 

Opções de recheio


Atumrico em ômega 3, o peixe é excelente para a saúde. Que tal misturar ele com salsinha, coentro e um fiozinho de azeite? Humm, fica uma delícia.


Ovofonte de vitaminas e minerais considerado um dos alimentos mais completos. Experimente misturar ele na tapioca (crepioca) cozido ou assado com um fio de azeite, tomate e cebolinha.


Frangonada melhor para equilibrar a alimentação do que carboidrato e proteína. A dica é usar frango grelhado desfiado e creme de ricota, delicioso. Vale a pena provar.


Queijo, tomate e alface cresparicota ou coalho, de sua preferência são ótimas fontes de cálcio e proteína, adicione rodelas de tomate, orégano e sirva com alface crespa no qual é rica em fibras e vitaminas. Olha quantas variedades dar para criar, então, use sua imaginação e bom apetite!

Artigos relacionados

 

Quer emagrecer? Siga esses 7 hábitos

 

Alergia ou intolerância alimentar: quais as diferenças 

 

 

 

Please reload